Cirurgias Plásticas

Com os grandes avanços na ciência, novas técnicas estão sendo utilizadas no serviço da cirurgia plástica e reconstrutiva. Técnicas menos agressivas e mais seguras, com cortes mínimos estão revolucionando os procedimentos cirúrgicos, melhorando os resultados e diminuindo o tempo de recuperação dos pacientes. Devolver ao rosto um ar de jovialidade, moldando a expressão facial com naturalidade e retirando dela o aspecto de cansaço agora é possível com modernas técnicas de preenchimento, peeling, toxina botulínica e cirurgia videoendoscópicas. Avanços importantes na lipoaspiração como o uso de ultrasom, vibrolipoaspiração e a utilização de cânulas mais finas facilitam a saída da gordura, diminuindo a dor no pós-operatório e proporcionando uma recuperação rápida. Com a pesquisa dos materiais houve uma melhora na fabricação e forma das próteses mamária, glútea, queixo, proporcionando resultados mais naturais e diminuindo as complicações. O cuidado no atendimento diferenciado de nossos pacientes começa na primeira consulta, com uma avaliação clínica completa, indicação da cirurgia, explicação detalhada do procedimento até os cuidados de pós-operatórios por nossa equipe.

Cirurgia de Mama

É uma das mais comuns na cirurgia plástica e tem várias indicações. Pode ser redutora, quando a mama é exuberante, corrigindo problemas estéticos e funcionais, ajudando no tratamento de dores na coluna cérvico-lombar. É também indicada a pacientes com flacidez pós amamentação, emagrecimento ou pela idade, e nestes casos fazemos uma mastopexia, que consiste na eliminação do excesso de pele.

Prótese de Mama

Está indicada para aumento e levantamento de uma mama caída em adolescentes após os 16 anos, podendo ser colocada por via axilar, sulco mamário ou periareolar. Em alguns casos, é necessária a retirada do excesso de pele e reposicionamento da glândula mamária, resultando numa cicatriz em forma de “T” invertido, “I”, ou “L”. Com a melhora na qualidade das próteses, existem no mercado vários tipos, formas e tamanhos que unido às técnicas apresentam resultados muito bons a médio e longo prazo. Durante a avaliação do paciente estabelecemos o melhor método, e informamos suas implicações, rejeições e quando devem ser trocadas.

Abdominoplastia

Geralmente realizada em pacientes com mais de 35 anos de idade, com peso normal ou 10% acima, nesta cirurgia é eliminado o excesso de pele e diástases (separação) dos músculos reto-abdominais. Esta cirurgia tem evoluído muito. Associa-se à lipoaspiração, com contorno e cinturas mais definidos, além de cicatrizes menores, permitindo melhores resultados. É importante antes da cirurgia fazer uma avaliação bem detalhada do paciente para identificar a existência de hérnias, que podem ser corrigidas durante a cirurgia.

Lipoaspiração

Técnica utilizada para retirada de gordura localizada. As áreas mais tratadas são os culotes, as ancas, as coxas e o abdômen. Outras áreas são os braços, o dorso e a papada da face. No processo de lipoaspiração introduzimos, através de pequenos orifícios nas áreas determinadas na avaliação, uma cânula de mais ou menos 3mm de diâmetro, por meio de movimentos de vai e vem, para retirar a gordura. Na lipoescultura é realizado o mesmo processo descrito anteriormente, a diferença é que a gordura retirada é reinjetada em regiões com depressão ou falta de volume, como por exemplo os glúteos.

A lipoaspiração não trata a flacidez, às vezes é associada com técnicas nas quais se retiram o excesso de pele, a gordura aspirada não retorna, a quantidade de células de gordura diminui e as restantes não se multiplicam. A técnica da lipoaspiração é limitada a pacientes que tem um peso próximo do normal com boa elasticidade da pele. Não se trata de uma técnica de emagrecimento, sendo limitado à quantidade de gordura retirada. (5 a 7% do peso).

Cirurgia Glútea

Indica-se esta cirurgia para pacientes com hipodesenvolvimento da região glútea. Para atingir este objetivo, são utilizadas principalmente duas técnicas ou sua associação: 1ª para paciente que tem gordura localizada em outras regiões do corpo, retira-se a gordura e reinjeta na região glútea para aumentar o volume; 2ª a inclusão de uma prótese através de uma incisão de mais ou menos 4cm no suco interglúteo. Na avaliação, determina-se a forma e o tamanho das próteses, com o intuito de conseguir um resultado natural e harmônico com o resto do corpo.

Plástica do Nariz

A rinoplastia é uma técnica que pode ser utilizada com fins só estéticos ou associada à correção de problemas funcionais, como desvio de septo e hipertrofia de cornetos. É a mais complexa das cirurgias plásticas, precisando muita experiência e habilidade do cirurgião para conseguir um equilíbrio estético entre o nariz e a face. Não existe cicatriz aparente na cirurgia estética do nariz, uma vez que os cortes são feitos dentro dele. Quando é feita a redução das asas nasais resultam duas pequenas cicatrizes nas mesmas, praticamente imperceptíveis.

Plástica da Face

A técnica da ritidoplastia objetiva o rejuvenescimento facial, melhorando a flacidez, rugas e sulcos com o reposicionamento das estruturas e musculatura da face. Na técnica convencional são feitos cortes na região anterior e posterior da orelha e dentro do couro cabeludo. É importante esclarecer que esta cirurgia retarda o processo de envelhecimento facial, mas não interrompe o processo evolutivo do organismo.

Cirurgia das Pálpebras (Blefaroplastia)

Corrige os excessos de pele, melhorando a flacidez e excesso de gordura (bolsas) das pálpebras. A cirurgia é feita com anestesia local e sedação, e o paciente pode ter alta no mesmo dia. Pode ser associada a técnicas videoendoscópicas para o reposicionamento do supercílio, dando um aspecto mais jovial para o paciente. Ou ainda, com a toxina botulínica, que nos permite eliminar as rugas de expressão.

Lifiting Facial Endoscópico

Técnica utilizada para reposicionar os tecidos flácidos do rosto. Usamos o endoscópio através de pequenas incisões no couro cabeludo (0,5 a 2cm). Com esta técnica tem-se a vantagem de poupar a face de cicatrizes visíveis. Pode ser associada a laser ou peeling das pálpebras, lábios ou toda a face. Os preenchimentos, como injeção de gordura e substâncias (Bioplastia) podem estar indicados. Esta técnica também pode ser usada em pacientes jovens para elevação das sobrancelhas. Pode ser isolado ou associado à lifting convencional.

Cirurgia da Orelha

A cirurgia de orelha de abano, chamada de otoplastia tem como idade ideal para sua realização entre 5 a 7 anos, período em que a orelha já esta totalmente formada e quase igual ao tamanho do adulto. Muitas vezes, é encontrada em vários membros da família e constitui uma identificação negativa, principalmente pelo fato de gerar caçoada na infância, com traumas psicológicos para a criança. A cicatriz fica na parte posterior da orelha ficando imperceptível, o resultado é natural e duradouro.

Demoabrasão, Peeling ou Resurfacing

Estes procedimentos têm sido introduzidos utilizando substâncias químicas, recursos instrumentais como dermoabrasores, raios laser e radio freqüência. Vários fatores devem ser avaliados para a escolha do melhor método:

1. Irregularidades da pele: seqüelas de acne.
2. Tipo étnico: pele morena tem maior possibilidade de complicações com manchas.
3. Problemas na pele que contra-indiquem o procedimento.
4. Atividade Profissional do paciente.
5. Motivação do paciente.

Todos estes fatores serão avaliados na consulta explicando as limitações e a relatividade dos resultados obtidos.

Calvície

A cirurgia de calvície é uma técnica utilizada tanto em pacientes jovens como os de idade avançada. Uma das mudanças da técnica é a utilização de micro transplante capilar, obtido das raízes do cabelo da região da nuca. Este tem uma excelente qualidade genética, resistentes à ação hereditária, hormonal e idade. O micro transplante deixa um resultado natural, duradouro e sem o estigma de “cabelo de boneca” do passado. Nas megasessões são transplantados entre quatro a seis mil raízes de cabelo, que exige habilidade e treinamento do médico e equipe cirúrgica.

A duração da cirurgia varia entre duas a três horas e é feita com anestesia local, podendo o paciente retornar às suas atividades em mais ou menos 24 horas. O cabelo leva entre três a quatro meses para iniciar o crescimento. O resultado definitivo será entre dez a quinze meses. Pode ser feito tanto em homens como mulheres.

Face

Técnica utilizada para reposicionar os tecidos flácidos do rosto. Usamos o endoscópio através de pequenas incisões no couro cabeludo (0,5 a 2cm). Uma das principais vantagens da técnica é a de poupar a face de cicatrizes visíveis. Pode ser associada a laser ou peeling das pálpebras, lábios ou toda a face. Os preenchimentos, como injeção de gordura e substâncias (Bioplastia), podem estar indicados. Esta técnica também pode ser usada em pacientes jovens para elevação das sobrancelhas. Pode ser isolado ou associado à lifting convencional. Também indicada à pacientes com flacidez pós amamentação, emagrecimento ou pela idade, nestes casos fazemos uma mastopexia, que consiste na eliminação do excesso de pele.

Mama

É uma das mais comuns na cirurgia plástica e tem várias indicações. Pode ser redutora, quando a mama é exuberante, corrigindo problemas estéticos e funcionais, ajudando no tratamento de dores na coluna cérvico-lombar. Também indicada à pacientes com flacidez pós amamentação, emagrecimento ou pela idade, nestes casos fazemos uma mastopexia, que consiste na eliminação do excesso de pele.